decoro

Respeita o meu tempo
Respeita o meu jeito
Tem um universo em mim
Que nem mesmo eu conhece direito
E não há por que fugir
Não interessa pra onde eu corra
Eu vou pra dentro de mim
Eu faço poesia porra.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Poesia religião

Reflexão

Em nome do Pai!