decoro

Respeita o meu tempo
Respeita o meu jeito
Tem um universo em mim
Que nem mesmo eu conhece direito
E não há por que fugir
Não interessa pra onde eu corra
Eu vou pra dentro de mim
Eu faço poesia porra.

Comentários

Postagens mais visitadas